quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

MERECIDA HOMENAGEM

No exercício da advocacia, desde outubro de 1991, convivi pacificamente e de forma respeitosa com os magistrados com os quais trabalhei, principalmente aqueles com que o dia a dia no fórum muitas vezes pode causar determinados aborrecimentos; ao contrário, com a totalidade dos juízes, promotores e advogados, da minha parte jamais partiu qualquer sinal de animosidade, sem deixar, todavia, de conservar meus princípios e posições claras e objetivas.

Posso afirmar sem receio de que, dessa maioria que mencionei, destaco um magistrado jovem, inteligente, prudente, sensato, humananista, cordial, conhecedor do direito, enfim, um bom juiz, o piauiense Marcos Antônio Moura Mendes, que recentemente titularizou a antiga comarca de Santa Filomena, no sudoeste do Piauí, que se misturava com o povo sem perder a imparcialidade, cuja humildade e extrema simplicidade, não o fizeram, como não o fazem, se abster de exercer na plenitudade a sua nobre missão.

Na última sessão do ano, na sexta-feira, 18 de dezembro, a Câmara Municipal de Santa Filomena aprovou, pela unanimidade de seus membros, um projeto de resolução de autoria dos vereadores José Bonifácio Bezerra, José Damaseno Nogueira Filho (Zé de Biga), Osiel Pereira de Sena e Raimundo Antônio Queiróz (Raimundo Firmino), concedendo o título de cidadão benemérito filomenense ao Dr. Marcos Moura, fazendo justiça a um homem da Justiça.

Vejam a íntegra da justificativa ao dito projeto:

"JUSTIFICAÇÃO

Senhor Presidente
Senhores Vereadores,

Nada mais justo e correto a homenagem de um povo a uma personalidade que se destacou em seu município exatamente pelo trabalho positivo, desenvolvido a contento e dentro dos princípios da legalidade, da moralidade, da honestidade, da decência, do respeito para com o semelhante e seus comarcandos, a civilidade e a educação no trato com todos indistintamente, a cordialidade como marca da personalidade.

A outorga do título de cidadão benemérito filomenense, equiparando-o a um natural, ao Dr. MARCOS ANTÔNIO MOURA MENDES, eminente magistrado integrante dos quadros do Poder Judiciário do Estado do Piauí, é o nosso reconhecimento a este correto juiz de direito que recentemente titularizou nossa comarca, aqui deixando o nosso respeito, a paz, a ordem e a saudade de nossa gente.
Homem simples, com gabinete aberto para atender a qualquer cidadão no fórum local, correto aplicador da lei e do direito, democrata e sem ranço algum de autoritarismo, respeitador dos costumes e engajado nas causas sociais e de interesse legítimo da comunidade, o Dr. MARCOS MOURA, um jovem cidadão na faixa etária dos 40 anos, é piauiense, descendente de tradicional família da região de Picos, formado bacharel em direito pela Universidade Federal do Piauí, ex-servidor da Justiça do Trabalho, casado com dona Gardênia e pai de três filhos, foi nomeado juiz de direito de Santa Filomena quando nosso município atravessava momentos de incerteza institucional face à ausência de um juiz na comarca, com crescente onda de violência e a sensação de impunidade, e sua presença física na comarca, morando com a família aqui, enfrentando os mesmos dissabores de nosso povo, misturando-se na multidão com a imparcialidade e rara inteligência, o nosso homenageado conseguiu, em pouco tempo, reverter essa situação, atualizar os processos parados e amontoados nos cartorários, fazendo impor a lei com a serenidade dos bons juízes.

Todos os filomenenses e brasileiros que aqui moram e trabalham sabiam onde morava o juiz, o viam nas ruas, o encontravam no fórum despachando. O seu carinho por Santa Filomena é imenso, continuando a nos visitar nas férias, mantendo-se atento aos acontecimentos locais, como um filho natural de nossa terra.

Portanto, conforme é público, nada mais justo do que a homenagem ora proposta, que, com certeza, reflete a opinião da sociedade e engrandecerá esta Casa do Povo.

Diante disso, que seja aprovado o presente projeto de resolução, concedendo ao ilustre juiz de direito, Dr. MARCOS ANTÔNIO MOURA MENDES, o título de cidadão benemérito filomenense.

Plenário Vereador Samuel Lustosa Nogueira, da Câmara Municipal de Santa Filomena, Estado do Piauí, em 10 de dezembro de 2009, 188º da Independência e 121º da República.

JOSÉ BONIFÁCIO BEZERRA
Vereador – PC do B

JOSÉ DAMASCENO NOGUEIRA FILHO
Vereador - PR

OSIEL PEREIRA DE SENA
Vereador - PSB

RAIMUNDO ANTÔNIO QUEIRÓZ
Vereador - PTB"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coloque seu e-mail abaixo para receber um resumo das novas notícias