quinta-feira, 2 de junho de 2011

BEM VINDO FÓRUM

Por incrível que pareça, o prédio onde funciona(va) o fórum da comarca de Santa Filomena, no sul do Piauí, era um local insalubre, inapropriado para o funcionamento de uma simples repartição pública, perdurando por 24 anos, até a inauguração, no último dia 28 de maio, de um prédio moderno, adaptado às exigências normais para um funcionamento decente de um órgão da Justiça.

Com a presença do presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Edivaldo Moura, do juiz da comarca, Ronaldo Paiva Nunes Marreiros, do prefeito Esdras Avelino Filho, do presidente da Câmara, João Lustosa Avelino, do desembargador Pedro Macêdo, do juiz Aderson Antonio Brito Nogueira, filomensense titular da 2ª vara da comarca de Floriano, de entrância final, de serventuários da Justiça, advogados, vereadores, lideranças políticas, religiosas e comunitárias, de familiares do homenageado e do povo, o fórum Tabelião Benvindo Lustosa Nogueira, que homenageia com justeza um filho ilustre da cidade e servidor do Judiciário piauiense por quase quatro décadas, foi entregue aos jurisdicionado e à população da antiga comarca, criada em maio de 1914, que somente agora, como reconheceu o próprio chefe do Poder Judiciário, mereceu deste o devido reconhecimento.

Observei alguns fatos curiosos, a começar pela coragem do presidente do Tribunal ao pedir à população cobrança permanente ao Judiciário, tanto ao TJ quanto ao juízo da comarca e seus serventuários, pois, detentores dos maiores salários do país, não há desculpas para que não prestem excelente serviço aos jurisdicionados e a todo e qualquer cidadão. Em Santa Filomena, ainda participei de audiências em que o escrivão escrevia a ata à mão. Era um verdadeiro tormento.

Também foi importante o desembargador Moura ter destacado, em seu discurso, o pedido categórico do Dr. Marcos Antonio Moura Mendes, atualmente juiz de direito de entrância intermediária, quando de sua nomeação para Santa Filomena de querer vir para a distante comarca, o que já era de meu conhecimento. Marcos Moura, um magistrado preparado, correto, que se mistura à multidão e ouve o seu clamor sem câmeras, holofotes e OGNs, foi um dos mais completos juízes com quem tive o prazer de conviver como advogado. O seu amor por Santa Filomena foi à primeira vista e o seu trabalho aqui desenvolvido, profícuo.

Um outro fato é que, mesmo oficialmente inaugurado, no fórum ainda faltam computadores, impressoras, mesas e outros móveis e instrumentos necessários ao seu pleno funcionamento. Tomara que não tenhamos que esperar mais 97 anos.

No final, algo pitoresco, sem maldade e tipico das pequenas cidades do interior nodestino. Como o novo fórum é vizinho do Bar do Gilson, o mais tradicional do lugar e o seu proprietário sabe de tudo o que aconteceu, acontece ou que possa vir a acontecer na República de Santa Filomena, um dos presentes, espirituoso, ponderou de que o segredo de Justiça, a partir de então, estaria revogado, pelo menos no fórum de Santa Filomena. Não é à toa o apelido do amigo Gilson: Boca Preta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coloque seu e-mail abaixo para receber um resumo das novas notícias