quarta-feira, 12 de setembro de 2012

CAUSOS DE NOSSA GENTE CONTADOS POR EMERSON AMARAL

Li ontem o segundo livro do escritor Emerson Leitão do Amaral que narra, assim como o título, Fatos e Causos Sertanejos, a maioria ocorrido em sua terra natal, Alto Parnaíba, no extremo sul do Maranhão, onde o autor foi escrivão de polícia, professor, vereador, contador, fazendeiro, dentre outras atividades.

Expõe fatos do conhecimento público, especialmente contados pelos pais aos seus filhos no decorrer dos anos, decreve personagens históricos quase míticos como Corbiniano Gomes da Silva, o baiano que adquiriu a Fazenda Sucupira e entre inúmeras façanhas construiu a  estrada - denominada estrada do sal -, usando picareas e outros instrumentos rústicos há mais de um século e que até hoje é utilizada entre Alto Parnaíba e Lizarda, no Tocantins. Corbiniano vem a ser avô da mulher de Emerson, Zélia.

Detalhar a origem de Duruta, empregado do meu avô materno Elias Amaral na Fazenda Salina, que foi seguidor e jagunço de Antonio Conselheiro, e de Zé Pretinho, soldado que o quase o matou em uma batalha e também mudou-se para a então Vitória do Alto Parnaíba trazido por Corbiniano Gomes, da Fazenda Sucupira, e o reencontro dos dois muitos anos após, longe do sertão bravio baiano, chega a ser quase um causo de ficção se não fosse um fato real. Coincidência ou destino, eis a indação do autor para uma reflexão permanente do leitor.

Muitos dos causos que prendem o leitor e despertam curiosidades em um texto claro, gostoso de ser apreciado e revivido em nossa imaginação foram presenciados pelo próprio escritor, nascido em 01 de março de 1931, filho do ex-prefeito, ex-presidente da Câmara Municipal e capitão da guarda nacional Lindolfo Lustosa do Amaral Brito e Elita Borges Leitão Brito, um ativista político e cultural de Alto Parnaíba nos anos 1950 e 1960, vereador em mais de um mandato e sempre na oposição, um dos líderes na conquista do nosso primeiro ginásio, maçom iniciado na loja Harmonia e Trabalho, Emerson possui vasta cultura e desde princípios da década de 1970 passou a residir e trabalhar em Gurupi. Duas de suas irmãs, Orquídea Leitão Brito Rocha e Alcione Amaral Rocha permanecem morando em Alto Parnaíba.

Recomendo a leitura a todos os apreciadores de bons textos, de fatos curioso, saborosos no prazer do natural compartilhamento e cumplicidade entre leitor e escritor.

Imagens: reprodução da obra editada pela Gráfica Real,de Gurupi/TO.

P.S: para quem queira adquirir exemplar do livro Fatos e Causos Sertanejos, de Emerson Leitão do Amaral, em Alto Parnaíba entre em contato com Doralina Brito Rodrigues no celular (89) 9977-0369.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coloque seu e-mail abaixo para receber um resumo das novas notícias