segunda-feira, 13 de agosto de 2012

EM ALTO PARNAÍBA, A FALTA DE ESTRADAS PREJUDICA LUZ PARA TODOS

Alto Parnaíba, no extremo sul maranhense, ainda possui poucas regiõe beneficiadas pelo programa Luz para Todos, que leva a preciosa energia elétrica à zona rural de um dos mais extensos municípios do estado. Parte da região do distrito de Curupá foi a primeira a receber tal benefício, fazendo com o que o Estado brasileiro se redimisse um pouco com o abandonado sertão nordestino, neste caso próximo às margens do rio Parnaíba.

No entanto, a falta de estradas vicinais no município de Alto Parnaíba é um problema que parece não ter solução; pelo menos pelo atual governo municipal. O cascalho é natural nas margens dos carreiros ainda abertos pelos antigos prefeitos, e de graça. Nas prestações de contas, a Prefeitura tenta justificar gastos astronômicos e nem um pouco aceitáveis no aluguel de máquinas, veículos e na aquisição sem precedentes de combustíveis. A verdade é única: nossos carreiros continuam cada dia piorando, enquanto prevalece a demagogia e a busca enlouquecida por mais um mandato na prefeitura, quando nada positivo a atual administração tem a oferecer à comunidade alto-parnaibana.
Com vias de dificílimo acesso, a extensão do programa Luz para Todos anda a passos mais lentos do que seria normal. Enquanto isso, centenas de famílias de rurícolas, secularmente sem cidadania, permanecem sem a luz elétrica. Para o atual governo, tudo isso é normal, pois povo e pobre é apenas um detalhe a ser expolorado unicamente nas eleições. Talvez seja até normal para esse tipo de político,  que vive anos luzes distantes da realidade, inclusive do Brasil real, onde poderosos políticos da República estão no banco dos réus no chamado caso Mensalão, em julgamento no Supremo Tribunal Federal. A impunidade começa a deixar de ser a regra em nosso país.

Mais do que a eventual punição da Justiça, a resposta punitiva do povo, dizendo não, no voto, aos maus políticos e péssimos gestores, é a sanção mais imediata, eficaz e justa.   

Fotos: Marilda Francisca Ribeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Coloque seu e-mail abaixo para receber um resumo das novas notícias